Seus problemas acabaram

Imagina aquele dia em que você quer comemorar. Mas comemorar de verdade. Para isso, decide: 'Hoje eu vou beber muito! Tomar um porre que eu estou feliz!' Então, você enche a cara e ao final da noite, sente-se bem, sem nenhum efeito do álcool.

Pois então, caro leitor, seus problemas podem acabar logo. Cientistas estão desenvolvendo uma pílula capaz de acabar com os efeitos da bebedeira. A droga, testada por enquanto em ratos, permite que se possa ingerir álcool sem sentir sintomas de embriaguez como a falta de equilíbrio e a diminuição dos reflexos.

Seria uma renda a menos para o governo que faz diversas operações para pegar pessoas que estão embriagadas ao volante. Não se preocupar com a polícia é outro ponto benéfico, uma vez que você estará completamente sóbrio.

A substância utilizada, naloxone, é usada para tratamento de overdose em heroína, mas foi modificada para os testes com álcool. Entretanto, vejo um problema: ela atua nas células da glia, que protege o cérebro de infecções como a meningite.

Poderia uma droga como essa ser benéfica para os humanos? Ao desativar estas células, que estão em 90% do nosso cérebro, podemos ingerir grandes quantidades de álcool sem problema. Mas, e o cérebro, ficará exposto a infecções durante o efeito da pílula?

Entretanto, a um lado bom. Os cientistas acreditam que com esse novo medicamento poderão tratar de casos de alcoolismo, por exemplo. Apesar de ainda precisar ser testada em humanos, a estimativa é que a droga esteja disponível no mercado em torno de três anos.

3 lecciones de liderazgo de Pixar

El crítico de cine, Anthony Lane visitó Pixar con la intención de descubrir qué hace tan buena a la compañía, que año con año está en la lista de los mejores en su industria. De entrada está la atención que la firma presta a los detalles, cuando las cosas van bien, en Pixar se producen dos segundos de tiempo de pantalla.


El crítico reveló que hay tres claves en la cultura de Pixar que pueden servirle a los managers de todo el mundo en todas las industrias para acercarse al éxito que vive la casa productora.


1. “Inténtalo, ¿por qué no?” A decir de John Lasseter, director creativo de los estudios Pixar, una señal de fracaso seguro es decirle a los empleados que proponen cosas nuevas “siempre lo hemos hecho de esta manera”. En el ADN de Pixar se encuentra la curiosidad por probar cosas nuevas siempre.


2. Todo al servicio de la historia, en el caso de la productora se han dado a la tarea de contar con los artistas, diseñadores e ingenieros más talentosos del mundo, con la preparación suficiente para crear historias y personajes que se queden en la memoria.


Esto se traduce en la búsqueda adecuada de talentos que enriquezcan a su compañía, si no tiene a los mejores, su empresa no será de las mejores en su área.


3. “Hay un amigo en mí”, que más que ser el tema de una de las canciones de la empresa, representa una forma de convivencia al interior de Pixar, donde se fomenta la cultura de compartir las diferencias entre cada persona. Para la compañía, no hay otra forma de provocar emociones tan fuertes como las que pueden causar sus películas si no es a través de la creación de lazos creíbles entre cada personaje.


FUENTE: http://news.conocimientoydireccion.com

Alguém pega o Maluf?

Mais uma vez o ex governador e ex-prefeito de São Paulo, Paulo Maluf irá responder a uma ação penal. Dessa vez, por lavagem de dinheiro durante os anos de 1993 e 2002. Para variar um pouco, o político negou todas as acusações.

Ele será indiciado junto com a sua tropa formada por seus quatro filhos (Flávio, Lígia, Lina e Otávio), sua mulher (Sylvia), o genro (Maurilio Curi, marido de Lígia), a nora (Jacqueline Maluf), o consultor financeiro Hani B. Kalouti, e o casal de doleiros Roger Clement Haber e Myrian Haber.

O Supremo Tribunal de Justiça (STF) aceitou a denúncia por sete votos a um. Apenas Marco Aurélio Mello foi contra. O relator, ministro Ricardo Lewandowski citou que os danos causados por Maluf e sua trupe chega a um bilhão de reais.

Bom, é um sinal de esperança para que a justiça seja feita. Afinal, Paulo Maluf é a raposa mais difícil de ser pega. Mesmo com diversas acusações e com folhas e folhas repletas de números condenáveis, de alguma forma ele escapa.

Agora é esperar os trâmites e aguardar pelo resultado. Além disso, torcer para que o Ministério Público tenha ferramentas suficientes para driblar toda e qualquer artimanha tramada pelo grupo de advogados que sempre livram o político da cana. Uma hora alguém tem que pegar um deslize desse cidadão.

Não serviu para quase nada

O Brasil venceu a Argentina no duelo B e venceu grandioso 'Superclássico das Américas', ou a extinta Copa Roca. Com isso, ganhou apenas o disputadíssimo troféu Nicolás Leoz e...mais nada. Na verdade, essa partida não valeu muita coisa.

Entretanto, o maior vencedor foi Mano Menezes. Mesmo contra um time que não é nem sombra da verdadeira Argentina, venceu o primeiro clássico contra uma grande seleção. Demorou, mais apareceu. Ainda conseguiu fazer a equipe mostrar um futebol razoavelmente bom no segundo tempo.

O grande vencedor entre os jogadores foi Cortês. O lateral-esquerdo do Botafogo, de ascensão meteórica na carreira (em nove meses saiu da segunda divisão estadual do RJ para a Seleção Brasileira), honrou a camisa e foi o melhor jogador da partida.

A aparição de Cortês faz com que surja uma esperança para a lateral esquerda do Brasil ter a mesma solidez que o lado direito da posição. Ele pode fazer perfeitamente a função de sombra para Marcelo, titular atual da Seleção. Com isso, a lateral-esquerda deixa de ser dos carecas (Roberto Carlos, Gilberto, Michel Bastos, Kleber) para ser dos cabeludos (Marcelo e Cortês).

Por último, um merecido destaque para a torcida paraense que, após o Hino Nacional do Brasil ser interrompido do nada, continuou a cantar e proporcionou um momento de emoção para os jogadores e para quem assistia a partida.

Mas, por favor, não entremos na onda de Galvão Bueno. Ele deu mais valor ao título do que os próprio jogadores. Ainda mais com aquela história de 'vencer é bom, vencer a Argentina é melhor ainda'. Vamos dar a real importância da conquista. Foi bom vencer, foi. Mas, não serviu para quase nada.

Fall Fair in San Juan Bautista......by Joyce Oroz


Have you been to San Juan Bautista lately? The mission, the beautiful gardens, shops and restaurants are one thing.....the other thing is The Fall Fair! Nobody throws a party like Jan Juan Bautista!

This year they are hosting their 1st Annual Fall Fair on Saturday, October 1st. It and will run from 10am to 5pm. FOOD, ENTERTAINMENT, and more ART treasures than you can imagine.

David Coombes and Christine West (Aromas Hills Artisans) will share a booth loaded with fabulous photos and stationary.

There will be a variety of sales booths with a mixture of arts, crafts and antiques. This will be a great opportunity to pick up some early Holiday gifts and support some local artists.

Empresas venezolanas. Incrementan su presencia en Internet

El incremento de la presencia en Internet ha sido del 14 por ciento con respecto al año pasado. Las pequeñas empresas son las que han crecido más en este aspecto.


El 74% de las empresas venezolanas tienen página web o alguna presencia en Internet, presentando un incremento del 14% con respecto al 2010, siendo las compañías pequeñas las que más crecieron en este aspecto (17%). 


51% de las empresas encuestadas asegura haber realizado algún tipo de publicidad en Internet y 53% de la muestra asegura confiar en esta publicidad. 


Las principales ventajas de este tipo de promoción son la relación costo-efectividad 56%, la interactividad 54% y la segmentación de la audiencia 52%. 


Cuando se habla de la utilización de las redes sociales, 55% de las empresas asegura que ha colocado su perfil corporativo en algún sitio de este tipo, explican que lo hacen como forma de reforzar su posicionamiento; sin embargo, para las empresas grandes las redes sociales son la forma de mantener contacto directo con sus clientes. 


Estos datos forman parte de un estudio realizado por Tendencias Digitales para la Revista Bussines Venezuela sobre las empresas y redes sociales, con una muestra de 210 organizaciones nacionales. 


FUENTE: http://www.mipunto.com

Ficou barato

Muita fumaça e pouco fogo. Como grande maioria dos escândalos que acontecem no País, os grandes se safam do castigo e as punições são brandas. Mas, a corda sempre arrebenta no lado mais fraco e os peão é quem recebe a maior penalização.

O Fortaleza entrou em campo lutando para se livrar do rebaixamento. O CRB estava quase classificado para a próxima fase. Mas, a equipe do Ceará conseguiu apenas um gol no primeiro tempo. O resultado era pouco para garantir a presença na terceira divisão do campeonato brasileiro.

Para atrasar o jogo e saber, com antecedência, quanto seria o jogo do Campinense, que também lutava para não cair, o Fortaleza entrou com um uniforme reserva, branco, para o segundo tempo. 'Por um deslize', eles esqueceram que era a mesma cor do uniforme do time da casa e tiveram que voltar ao vestiário, atrasando a partida em 26 minutos.

Depois, aos 11 minutos, Paulo Rodrigues, do CRB, cometeu penalti e foi expulso. Na cobrança, Cristiano defendeu o chute de Carlinho Bala. Mas, aos 20 minutos do segundo tempo, o mesmo Cristiano foi expulso por supostamente ter tentado agredir um gandula. O time alagoano já havia queimado as alterações. Um volante foi para o gol. As coisas começaram a ficar mais estranhas.

Com dois a menos e um volante improvisado no gol, o Fortaleza dominou o CRB. Marcou um gol aos 23 minutos. O jogo entre Campinense e Guarany de Sobral terminou com vitória do Campinense por um a zero. O CRB já estava com a vaga e o Fortaleza precisava de mais dois gols para se safar e rebaixar o vencedor do outro jogo.

Aos 37 minutos, Carlinhos Bala protagonizou outro lance. Após o terceiro gol do Fortaleza, ele passou pelos adversários indicando o número um e dizendo: 'só falta um, só falta um'. Houve também uma suposta conversa entre jogadores dos dois times antes da nova saída de bola.

O quarto gol, o salvador, aconteceu aos 42 minutos. O CRB estava classificado pra próxima fase, o tradicional Fortaleza evitou o vexame que passa o Santa Cruz, outro tradicional clube nordestino, e não disputará a série D. O menos popular Campinense, da Paraíba, estava rebaixado.

Após tantas evidências de um jogo controlado, de favas contadas, feito para salvar o Fortaleza do rebaixamento e depois de tanta discussão feita em torno do caso, o STJD decidiu entrar em cena e julgar o caso.

Resultado: Fortaleza e CRB receberam apenas multas. Pelo atraso na partida, as equipes pagarão 20 mil reais. Os jogadores Paulo Rodrigues e Cristiano terão que cumprir dois e três jogos de suspensão, respectivamente, pelas expulsões. A maior pena ficou para Carlinhos Bala. Por ter indicado o número de gols que faltava e dizer que faltava apenas um gol, o meio-campista tomou seis jogos de gancho.

O árbitro FIFA Gutemberg de Paula Fonseca, do Rio de Janeiro, foi absolvido. Assim como Fortaleza e CRB, inocentados da acusação de manipulação de resultado. A decisão não é definitiva e ainda cabe recurso.

Mas, como fica o Campinense? O time da Paraíba venceu a partida de forma honesta. Entrou em campo no horário certo, fez o seu papel e foi rebaixado devido a mais um episódio vergonhoso do futebol brasileiro. Resposta: 'Não fica. Ele vai disputar a série D no ano que vem'.

Assim é o Brasil. Seja na política, seja no esporte, onde for. Os graúdos sempre se salvam. Utilizam de mutretas e, no fim das contas, são absolvidos pela cega, surda e muda justiça brasileira. Para os pequenos, o bicho pega e, no final, pagam o pato.

Mário Pancada

O lateral-direito/zagueiro do Grêmio, Mário Fernandes, vem colecionando uma série de episódios 'estranhos' em sua curta carreira no futebol. Com apenas 20 anos, corre o risco de ser considerado um jogador problemático precocemente.

Nesta segunda-feira decidiu que não iria se apresentar a Seleção Brasileira para o jogo frente a Argentina, em Belém, na próxima quarta-feira. Em sua explicação o tanto quanto misteriosa, alegou apenas problemas pessoais que causaram um estresse.

Não houve entrevistas, tampouco comunicados feitos diretamente a CBF ou ao técnico Mano Menezes. No domingo, após o jogo contra o Avaí, onde marcou um dos gols, disse que não estava confortável para servir a Seleção, iria dormir na casa de um amigo e talvez não conseguisse acordar para pegar o avião.

De fato, aconteceu. A CBF agendou um novo voo para o atleta que, mesmo assim, não compareceu. Com certeza essa dúvida não surgiu do domingo para a segunda-feira. Se ele não estava a fim de estar na convocação, que falasse com Mano Menezes e desse a vaga para outro. Avisar que não irá há dois dias do jogo e desfalcar uma seleção já sem muita opção é falta de profissionalismo.

Esse não é o primeiro caso 'bizarro' de Mário Fernandes. Após ser contratado pelo Grêmio, vindo do São Caetano, em 2009, Mário simplesmente sumiu da concentração das categorias de base do clube. Apareceu quatro dias depois, em Jundiaí, alegando sentir saudades de casa. Pelo fato, ganhou o apelido de Mário Doril.

Aos poucos, Mário Fernandes vem criando um histórico nada positivo para a carreira profissional. A atitude dele complica um provável futuro na Seleção, uma vez que Mano já deixou na geladeira Marcelo e Hernandes, que são mais cobrados pela imprensa, por motivos menores. É melhor esse jovem jogador procurar tratamento antes que apareçam mais situações que acabem o marcando como jogador problema.
¿Qué es lo primero que se piensa cuando se escucha la palabra: “Comunidad”? Y es que, hoy dia, es automático imaginarse algún servicio de Social Media cuando se menciona la palabra “Comunidad”, especialmente Facebook y Twitter.


Es común que en su empresa se diga: “Ya tenemos una comunidad. Hay 1mil “fans” o “likes” en Facebook”, pero:
  1. ¿Sabe usted quiénes son esas personas?

  2. ¿Son realmente “fans” de su marca o de su compañía? ¿de sus productos o de sus servicios? o le dieron “like” a la página porque es la única forma de escribir una queja en su muro?

  3. ¿Qué reacción tienen ellos cuando usted les dice que son parte de “su comunidad”?

  4. ¿Tienen algún tipo de organización?



El tema es el siguiente. Si no se diseñó una comunidad, y si no se salió a “construir” una comunidad, no esperemos que cualquier plataforma de Social Media sea “nuestra comunidad”. Esto es una ilusión.


Y una mucho mayor ilusión, cuando el sentido de tus esfuerzos de Social Media Marketing es 100% publicidad, es decir “empujar informacion”.  Recordemos que las comunidades no son compatibles con la publicidad. 


Pero, ¿se puede llegar a convertir una página de Facebook en una Comunidad? Es posible, claro, pero sólo cuando los objetivos de la estrategia de largo plazo son compatibles con el perfil de los potenciales usuarios y del nivel de interacción necesario, así que la próxima vez que piense en la comunidad de su empresa,  pregúntese si esta viene acompañada de una estrategia de medios, porque de lo contrario, de nada le servirá para el éxito de su empresa.




FUENTE: http://news.conocimientoydireccion.com

Missão Grécia

Um novo pacote econômico está sendo elaborado para combater a crise na zona do Euro, principalmente com a Grécia. Além disso, seria ampliado o fundo de resgate a União Europeia. A ajuda financeira a bancos e membros do Euro iria de 440 bilhões de euros para 2 trilhões de euros.

O Fundo Monetário Internacional, o FMI, famoso no Brasil principalmente durante a gestão FHC, diz que a expectativa é de que os governos da Europa coloquem o plano em prática dentro de cinco ou seis semanas, aproximadamente.

Agora engana-se quem acha que o FMI pensa em fazer isso apenas para auxiliar o Euro a se levantar. Na verdade, toda essa movimentação tem um único propósito: 'Evitar uma falência em grande escala mundial'. Algo que afundaria o mundo em um caos.

O Fundo e a União Europeia irão fiscalizar a Grécia bem de perto e constantemente. Afinal, já houve um primeiro pacote de auxílio ao País e um segundo deve ser ratificado. Mas, se os gregos não provarem que estão conseguindo diminuir o déficit, as parcelas de ajuda serão canceladas.

Dessa forma, a Grécia não teria mais como pagar as dívidas do próximo mês. A situação, de forma prolongada, fará a Grécia ir aos extremos: decretar a falência ou a moratória. A falência ameaça a soberania, mas é menos prejudicial ao resto do mundo. Creio que tanto FMI quanto o Euro já devem estar pensando: 'É melhor cortar um pé para salvar o resto do corpo'.

Darlene Boyd.....Part Two




Today I would like to present another side of Darlene Boyd, AHA artist and sculptor. Teaching art is a big part of Darlene's life, and the lessons are a wonderfully valuable experience for her students. She will tell you about herself and the lessons she has been giving since 1977 to people from age 3 to 83. Here is Darlene.


I began studying art faithfully at the age of 11 and found it to be a very satisfying experience. I am very versatile in my approach, being equally interested in both two and three dimensional expressions. I currently display much of my own work at darleneboyd.com.
I also enjoy teaching art lessons to participants of varying ages and have a California Multiple Subject teaching credential with a Visual Arts Supplement.
Some samples of art lessons that I teach are:


Intro to Drawing........ Students will explore some basic drawing techniques and exercises and exploration of different drawing materials.

Illustrations....... Students will explore further techniques and materials related to drawing and apply it to illustrating.

Painting with Pastels....... Students will learn to draw, compose and create a composition using charcoal and pastels.

Calligraphy .......Students will learn a basic joined-italic Chancery Cursive script which can also be used for personal handwriting.

Acrylic Painting .......Students will learn to do color theory using the primary colors and apply this to a simple composition.

Watercolors
Bold and Free Students will learn and incorporate varied watercolor techniques into some of their drawings, to create visual textures.

Calligraphy .......Students will learn a basic joined-italic Chancery Cursive script which can also be used for personal handwriting.

Georgia O'Keefe: Closing in on Nature Students will explore the idea of scale and enlarging forms to fill the entire format. This will be done using watercolors and/or acrylic paints.

Henri Matisse:
The Art of Cut-Outs Students will explore using cut-out forms and creating balanced compositions by dividing space aesthetically.

M.C. Escher:
Visions of Symmetry Students will learn to create repeated patterns using tessellated systems and forms, using colored pencils and/or color cut outs.

Darlene, what is an 'Artists'-Writers' Workshop?

Artists'-Writers' Workshop curriculum is a progression of art, literature and writing experiences designed to teach the key elements of writing to students with diverse learning styles. Within it, key literary elements are taught in a way that is both inviting and engaging to students with a variety of learning styles. Through hands-on explorations in art and writing and the sharing of quality picture books, students with diverse learning styles are able to comprehend, absorb, digest and apply important literary concepts.

Darlene, where can people sign up for your lessons?

Currently I teach art lessons at client's homes, Country Rose Gallery and Frame in Hollister and Michaels in Gilroy and Salinas. For information concerning my lessons please peruse my website at darleneboyd.com.
I am also active in several arts organizations, such as the South Bay Area Womens Caucus for Art, Aromas Hills Artisans, the Monterey Bay Plein Air Painters Association, and the San Benito County Arts Council.


Ms. Boyd is now the Chief Creative Officer of The ART Experience, LLC studio, nestled in the pastoral mission town of San Juan Bautista, California. She is currently working on figure sculptures in clay for bronze casting. She also creates landscape, floral, still life, portrait and architectural paintings. She finds time to occasionally work on projects in other contemporary media and genres. Her work is currently on exhibit in several California Central Coast venues, including Stone Griffin Gallery at 416 E. Campbell Avenue, Campbell, California 95008. Various on-line galleries showcase her work, such as sbawca.org. Her work is enjoyed by many private collectors, local and international. To learn more about Ms. Boyd and her art please visit her on-line gallery at www.darleneboyd.com, or you are welcome to make an appointment to visit her studio in San Juan Bautista, by calling 831-623-2750.

"Art is not what you see, but what you make others see." ~ Edgar Degas

Thank you, Darlene, it's a wonderful thing you're doing.

Falha dos Chili Peppers

Voltando para casa após uma surpreendente e animadíssima noite de sábado. Aniversário, surpresas e muita festa! Esse foi o resumo do dia. Infelizmente, não pude ver ao vivo o show do Red Hot Chili Peppers no Rock in Rio, no primeiro dia de rock, finalmente.

Mas, apesar disso, fui me informar. Li críticas, baixei o show pelo youtube, escutei trechos de músicas e deu para fazer um apanhado do que foi o concerto da principal banda do festival durante o sábado para poder dar minha versão dos fatos.

A apresentação do Red Hot Chili Peppers continua grandiosa. Anthony Kiedis tem uma voz que é a mesma, seja em estúdio ou ao vivo. Assim como Flea e Chad Smith. Apresentação convincente e forte. Mas, o novo guitarrista, Josh Kliffhanger, continua devendo. Menos do que deveu na última quarta-feira, mas deve.

O erro da banda californiana esteve na preparação do setlist. O fato é que as pessoas se acostumaram com John Frusciante e os solos de improviso, a levada funky diferenciada do disco 'Californication' e ainda não se acostumaram com o som do novo cd, 'I''m with you'.

O novo disco é uma levada Red Hot ao modo antigo. Mais light, sem tantos solos, sem o abuso musical que era. Para compensar, é bem mais funky rock que 'By the way' e 'Stadium arcadium'. Isso faz com que o cd tenha músicas mais 'calmas' e que acabam não agitando tanto o público.

Para piorar, 'I'm with you' foi lançado há quase um mês. As pessoas comuns ainda não ouviram totalmente as novas canções, o cd ainda não emplacou e fica quase desconhecido. Os fãs mais fervorosos vão conhecer, mas os que são esporádicos estavam esperando os clássicos da banda.

Por isso, apostar praticamente 30% do conteúdo do show no novo trabalho foi um erro. Acabou não empolgando quem estava lá esperando músicas como 'By the way', 'Otherside', 'Can't Stop', entre outras. Seria bom ter diminuído o número de músicas novas.

Mesmo assim, ouve um certo equilíbrio. Das 20 músicas tocadas, cinco eram do novo cd, três de Blood Sugar Sexy Magik, três de Californication, três de By The Way e duas de Stadium Arcadium. Ainda tiveram outras canções para completar.

Como grande fã do trabalho dos caras, eu gostei demais de todo o concerto. Fico triste por não ter assistido ao vivo. Agora, vai saber quando eles voltarão ao Brasil ou se terei que sair daqui para acompanhar a uma apresentação deles. Algumas críticas podem falar que o público ficou morno com algumas músicas novas. Para mim, pouco me importa. Red Hot é Red Hot, sempre irei gostar.

'Rock?' in Rio

O 'Rock in Rio' original, de 1985, reuniu bandas como AC/DC, Ozzy Osbourne, Queen, Rod Stewart, Scorpions, Yes e Whitesnake. Em 1991, teve Guns n' Roses, Faith no More, Judas Priest, Megadeth, Billy Idol e George Michael.

Na volta do concerto, em 2001, se apresentaram Iron Maiden, Guns n' Roses, Oasis, Foo Fighters, Silverchair e Red Hot Chili Peppers. Depois, o festival se mudou para Lisboa e Madrid, na Europa, antes de voltar novamente ao País.

Mas o nome está errado. Onde está o rock em Rihanna, Cláudia Leitte e Katy Perry? Elton John até tem rock, mas é um símbolo pop. Nx Zero, Jannele Monáe, Ke$ha, Ivete Sangalo, Shakira e outros, onde está o rock n' roll?

Este festival celebra a diversidade, a união entre povos pela música, mas não celebra o rock. Pelo amor de Deus, se querem colocar atrações de batuque, que joguem pro palco' Sunset' ou outro qualquer. Não no palco mundo.

Boa parte dos 'agraciados' por estar no palco 'Mundo', não deveria estar lá. Depois não sabem porque músicos são vaiados, xingados e até atingidos por objetos pela plateia. Há falta de organização. Pior. Há falta de rock no 'Rock in Rio'.

Time to reflect....by Joyce Oroz




Yesterday I walked through Roaring Camp, a place of noise, crowds and happy energy in the summertime, a peaceful park in the fall. The trains were still, the quaint little "western" buildings empty and my feet alone padded down the pathes. But I wasn't alone. The shimmery pond was full of duck-play, ducks zipping around, splashing and chasing each other. Probably the tribal wedding dance. After a nice walk and some reflection on life's meaning and clutter, I tramped over the covered bridge, took one more look back and than proceeded home to the meaningful clutter. Looking back is nice, looking forward is helpful, but there's nothing like being in the moment.

Emprendedores. Sin miedo y sin sentido del ridículo

Para alcanzar el éxito, tanto personal como profesional, uno debe deslindarse del “qué dirán” y afrontar la vida con la conocida frase: “que hablen bien o mal de mí, pero que hablen”.


Si estamos pendientes del “qué dirán” en cada paso de nuestra vida, puede bloquear nuestras acciones y ¿ganamos algo con esa actitud?. Todo lo contrario, y más aún cuando de emprender se trata. 


En un artículo publicado en el sitio Pymes y Autónomos, acotan que “en la vida profesional, en el ejercicio de nuestra actividad como autónomos, o en el desempeño de nuestra gestión empresarial, hemos de saber ser en todo momento nosotros, ser nosotros sin ningún tipo de miedo, tapujo o sentido del ridículo”. 


Agregan que la filosofía que debe marcar nuestra vida empresarial es la muy conocida frase, pero poco aplicada por la gente: “que hablen bien o mal de mí, pero que hablen”. 


Destacan que ésta, es la filosofía que nos asegurará el éxito profesional en todo momento, porque primero tenemos éxito personal y lo vamos a reflejar en nuestro entorno. 


“Actuemos como tengamos que actuar, seamos como queremos ser, creemos nuestra propia marca personal, seamos extravagantes, no seamos como los demás, digamos lo que no gusta a la gran mayoría (pero que siempre habrá un rentable segmento que nos lo comprará), lo importante es que nos hagamos con nuestro público, con nuestros clientes o con las empresas que contratarán nuestro perfil”, indican. 


Finalizan, señalando que da igual lo que piensen de nosotros, siempre y cuando nos ganemos nuestro lugar, siempre y cuando lo que se consiga nos sea rentable: “Que conste que conseguir ‘nuestro espacio’ no significa conseguir ‘el espacio’; no nos hace falta tener, ni caer bien a todo el mercado, con nuestra parte del pastel nos debe bastar”. 


FUENTE: http://www.mipunto.com

Todos pagam por conta de uns

A Federação Paulista de Futebol, A FPF, decidiu proibir a entrada das torcidas Sangue Jovem e Torcida Jovem, do Santos, nos estádios do estado. A medida foi tomada após uma briga entre os dois grupos durante o clássico do último domingo entre Corinthians e Santos, no Pacaembu.

De acordo com a nota assinada pelo presidente da entidade, Marco Polo Del Nero, a exclusão permanece até que os fatos sejam apurados e os acusados sejam identificados e punidos. Algo que, convenhamos, não deve ser solucionado rapidamente.

A probição vem com base no estatuto do torcedor. Segundo o relato da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância, as torcidas iniciaram o confronto e resistiram a ação da polícia no local, gerando mais conflitos e uma briga generalizada.

Quem sofre com isso é a torcida toda e o próprio Santos. Por causa da ignorância de, como diria Antero Greco, meia dúzia de babacas, não podem mais haver faixas da torcida de apoio ao time, bandeirões, cantos. Nada disso. Fica uma torcida com menos emoção.

Mas, apesar disso, não tiro a razão da FPF. Quem não sabe se comportar como gente, não merece torcer com gente. É uma pena apenas ver que grande parte daqueles que são das organizadas, mas estavam lá para torcer, e não brigar, saiam prejudicados também. Tomara que o caso seja solucionado e logo.

Djokovic x Nadal no Brasil?

O governo do Rio de Janeiro segue com investimentos em grandes eventos esportivos para chamar a atenção e atrair pessoas. Depois das Olimpíadas, sediar as finais da Copa das Confederações 2013 e Copa do mundo 2014,o Campeonato mundial de judô de 2013, além de provavelmente ser a sede da Copa América 2015, agora quer o ATP World Tour Finals.

Agora, o leitor irá questionar, o que é o 'ATP World Tour Finals'? Esse é um torneio de tênis, realizado no final de toda temporada e serve como uma 'Copa do mundo' para os tenistas de simples e duplas. Os oito melhores do ranking são divididos em dois grupos e há confronto dentro dos grupos, avançam dois de cada chave. Depois há as semi-finais e a grande final.

Após passar quatro anos em Shanghai, na China, a competição é realizada, atualmente, em Londres, na Inglaterra. Como o contrato da ATP com a capital inglesa vai até 2012, o governador Sérgio Cabral busca firmar um acordo para o Rio de Janeiro sediar o torneio entre 2013 e 2015.

Como o tênis pouco tem se alterado nos últimos anos, se tudo for concretizado, é bem capaz que vejamos Djokovic, Nadal e Federer em terras brasileiras. O problema para variar, como em qualquer grande evento que vem ao Brasil, devem ser o preço alto dos ingressos e o dinheiro público investido para a realização dos mesmos.

Bom, resta esperar. Como amante do esporte, sempre é bem-vinda uma competição como esta se, lógico, for realizada de maneira clara, limpa e sem abuso dos recursos do povo. Vamos aguardar novas notícias sobre.

Iniciar un Negocio es un Arte Dificil

Para dar vida a una empresa, se deben de tener en claro ciertos asuntos básicos, sin los cuales nuestra travesía empresarial puede naufragar fácilmente.


Por ello, tu como emprendedor si estas pensando en iniciar una empresa siempre debes de tener presente lo siguiente: 




Debes de tener en claro, el porqué y para qué se va a formar la compañía. Entienden que requieren de una inversión inicial y un flujo operativo; se fijan metas de ventas, preparan un presupuesto de gastos y cuidan los detalles sobre la operación de la naciente empresa.


En esta etapa, se determinan por primera vez la misión, la visión y los objetivos estratégicos de la nueva empresa. Pero ten cuidado, pues en pocas ocasiones estos aspectos se establecen por escrito. Entonces sucede que se busca cumplir con ellos durante el primer año, mientras se les tiene presentes, hasta que a los tres o cinco años nadie se acuerda de ellos.


Cuando una empresa nueva inicia operaciones, esta se enfoca en obtener los ingresos suficientes para sobrevivir y continuar operando, pero habría que preguntarnos si esta situación —la de batallar para sobrevivir— no se da como resultado de una falta de planeación en la apertura de la empresa, o debido al incorrecto desarrollo y establecimiento de un plan de negocios. O quizá sea producto de una visión a muy corto plazo sobre la obtención de rendimientos, la responsabilidad social y la sustentabilidad de la empresa.


Por ello, iniciar una empresa no es algo fácil, sino complejo, que requiere que le dediques meses de esfuerzo para dejar todo atado, todo planificado, para que así, las cosas resultan como uno espere.


Ria dos adversários

O UOL Esporte resolveu inovar e, de quebra, dar uma ajuda aquele amigo sarrista que adora fazer piada com o time rival. O portal criou a seção 'Ria dos adversários', onde cada time tem uma página onde estão as piores notícias sobre a equipe.

Foi uma novidade dentro dos lugares onde se cobre esporte. A ideia é muito boa, ainda mais quando acontecem clássicos como o do último domingo onde o meu time do coração, Santos, venceu o Corinthians, de virada, por três a um.

Dentro do 'Ria dos adversários' há um tópico chamado 'pérolas do público'. Sabe todas aquelas gracinhas que você já escreveu no facebook para tirar uma onda do seu amigo? Ou aquelas frases irritantes zoando o seu time que sempre aparecem nos e-mails? Então, boa parte está lá!

Ainda não olhei sobre os outros times, mas, ao entrar na página normal do Santos para ver as notícias, estava em destaque as gozações sobre o Corinthians. Gostei bastante da ideia. Serve bem para você enriquecer o arsenal de gozações para irritar aquele brother fanático que se irrita quando falam mal do time dele. Para ver as pérolas do Corinthians, clique aqui.

The Curious Importance of Schnibbles....by Jill Elizabeth




On Bookmarks or The Curious Importance of Schnibbles* of Paper
Jill Elizabeth posted this on August 18th, 2011
What do you use for bookmarks?
Me, it depends entirely on where I am. If I’m at home, I have small (or not-so-small) stacks of old tickets, passes, business cards, and forms of identification scattered anywhere I’m likely to be reading (which is to say, in at least one spot in almost every room). I also keep such things in my purse, my wallet and the car, you know, in case of a reading/place-holding emergency. I love using these things as bookmarks; now not only is my book something I’m enjoying, but so is the reminiscing caused by the bookmark itself. An added bonus, if you will. Hooray, she said!
If I’m in a store and have just bought a book, I will almost always take a bookmark if they are freely offered. Not as many places give you a free bookmark anymore though, which stinks. Ironically, most of the large chains (the only booksellers who claim to be making a profit) no longer offer free bookmarks, while most of the small, independent bookstores (who claim to be increasingly suffering if not being outright pushed out of business by large corporate retailers) still do.

Incidentally, I will almost never pay for a bookmark. Most of the ones that are sold are goofy or over-the-top cutesy things; I don’t need to look at a kitty stuck in a tree or a puppy with overlarge paws while I’m reading, thank you very much. Nor do I need inspirational sayings or quotations or tassles or glitter. I’m good, thanks.
If no freebie is readily available, I will first check my purse or wallet (if I’m still in the store) or the car (if I’m heading off somewhere else to read). I will use the store receipt if I don’t have anything from my usual stack on-hand or if I want to make sure that I don’t seem like a freeloader or book thief. I don’t love using receipts though – the paper is often slippery and then those little suckers don’t stay where they’re supposed to, which is just plain aggravating. If I’m reading a hard cover, I will, in a pinch, fold the inside front cover flap to my page as a marker. And if it’s a soft-cover or a book without a paper sleeve, I will either try to remember the page number in my head (dangerous) or will text it to myself (god bless cell phones).
If I am absolutely stuck, I will use a straw wrapper or gum wrapper, string or a tag torn from some piece of clothing, lint from the bottom of my purse. There is almost always some random shred of something usable that can be found somewhere on hand. WHAT I WILL NEVER EVER UNDER ANY CIRCUMSTANCES – INCLUDING THE PAIN OF DEATH – DO IS BEND THE CORNER OF THE PAGE. Gasp, shudder. You might as well stab me in the eye. Or intentionally break the spine of the book. EEK, she said! Honestly people, we are not animals – let’s have some respect, hm??
• “Schnibbles” for those of you who are unfamiliar with one of Ann Arent’s favorite words (hi mom!), are small bits of things. This isn’t a “Jill using a big/weird word” moment (see previous post on my feelings on unusual words) – it is a “Jill using a word she’s heard her whole life” moment. Honest.
• http://blog.jill-elizabeth.com/2011/08/18/on-bookmarks-or-the-curious-importance-of-schnibbles-of-paper/#more-1400
Share this Fabulous post with the World:

A former corporate attorney and government relations/health policy executive, Jill Elizabeth Arent walked away (well, skipped actually) from the big-city worlds of corporate and political America and headed for a more literary life (equally challenging, but infinitely more enjoyable) in the small Western New York town where she grew up. For more information, please visit Jill at www.Jill-Elizabeth.com .

A Grécia ficará no Euro?

Após quase 11 anos presente a Zona do Euro, a Grécia pode deixar de ser membro do bloco europeu. De acordo com o jornal Kathimerini. um referendo pode ser feito como uma forma de fortalecer o governo na crise da dívida na zona do euro ou abandonado a moeda única.

Desde 2008, quando a crise de crédito atingiu o mundo inteiro, a Grécia vem cambeleando acomo um boxeador que recebeu um cruzado certeiro na cabeça. Enquanto países como Portugal, Irlanda e Espanha ainda conseguem lutar contra o problema econômico, a Grécia vai aumentando o rombo.

Os ministros dos países do Euro quebram a cabeça para achar soluções para salvar o País, mas isso tem sido cada vez mais difícil. O segundo pacote, negociado em julho, já dá sinais que não será suficiente para amenizar a crise grega.

Segundo o Kathimerini, o primeiro-ministro grego, George Papandreou, resistiu por muito tempo a ideia do referendo, mas agora acredita que uma votação poderia trazer um novo fôlego ao governo socialista para continuar com as medidas de austeridade apoiadas pelos credores internacionais.

A atitude da Grécia em fazer o referendo pode significar uma ameaça ao Euro. Se o País deixar o bloco e retornar ao dracma, ele poderia declarar a moratória. Dessa forma, deixar de pagar os juros das dívidas ou pressionar os credores a aceitar pagamentos menores e perdoar parte da dívida.

De acordo com a BBC Brasil, a atitude iria estimular países como Irlanda e Portugal a fazerem o mesmo. Isso significaria um aumento de custos para empréstimos tomados pelos países menores da União Europeia, sendo que alguns deles já sofrem para manter seus pagamentos em dia.

Se Irlanda e Portugal seguissem o caminho do calote, os bancos que lhes emprestaram dinheiro seriam afetados, o que elevaria a demanda por fundos do Banco Central Europeu. Um calote grego iria carregar a economia europeia ladeira abaixo.

A adoção do pacote econômico único, com a adoção de uma moeda só, parecia ser uma grande ideia. Uma força econômica que bateria de frente com o dólar. Talvez, se o bloco do Euro fosse formado pelos países que mantém seus gastos sem custos além do alcance, sim.

O que a Grécia fez é absurdo. Após entrar no Euro passou uma década gastando mais do que podia, estourando o orçamento. Após a crise, eles se afundaram em enormes dívidas e agora o Euro que se vire para ajudar. Ajudar é ruim, não ajudar é pior. O negócio é continuar com o malabarismo econômico para ver se os gregos conseguirão se recuperar com um novo plano.

Cómo contratar al personal adecuado

Para nuestra empresa es una decisión crítica. Esto se debe a que de la elección adecuada de los recursos humanos dependen la competitividad y la mejora en el desempeño de las organizaciones.


Existe una manera de llevar adelante dicho proceso atendiendo a algunos principios básicos que pueden resumirse en los siguientes pasos:


-Paso 1. Definir el cargo que queremos ocupar.


-Paso 2. Definir el perfil que debe tener la persona que va a desempeñar el cargo para el que estamos iniciando la búsqueda.


-Paso 3. Definir la forma de reclutamiento que vamos a emplear en nuestra selección.


Es decir, la forma de cómo vamos a atraer postulantes. ¿Vamos a poner un aviso en el diario? ¿Vamos a pedirle a algún ´conocido´ que nos recomiende a alguien? ¿Le pediremos a alguna institución educativa que nos envíe postulantes de su ´bolsa de trabajo´?.


-Paso 4. Realizar la preselección de los postulantes. Se han presentado un conjunto importante de candidatos, debemos definir con cuáles nos quedaremos. Lo habitual es definir tres categorías: ´A´, ´B´ y ´C´. Los postulantes ´A´ tienen, por lo que leímos en su currículum, todas las características que estamos buscando. Los ´B´ tienen algunas características pero no otras. Los ´C´ no se adaptan - dada la información que recabamos con el currículum- a los requerimientos del puesto.


-Paso 5. Evaluación por medio de pruebas y tests de los conocimientos y aptitudes de los postulantes que catalogamos en el paso anterior como ´A´.


-Paso 6. Entrevista de los postulantes ´A´ que hayan obtenido los mejores resultados en el paso anterior. En esta instancia sería deseable que puedan visualizarse disposición, intereses y expectativas de los candidatos.


-Paso 7. Contratación de la persona que se adapte cabalmente a los requerimientos de la empresa.


-Paso 8. Integración del nuevo empleado a la empresa.


El proceso descrito anteriormente es para la realización de una selección de personal efectuada exclusivamente por el mismo emprendedor y su empresa. Por cierto que puede acercar a la selección a colaboradores que le resulten necesarios como apoyo para la realización de un proceso más afinado, pero quedémonos brevemente con el planteo de los 8 pasos.


Tal vez, a primera vista, parezca un proceso sencillo pero usualmente no lo es tanto.


Cada uno de esos 8 pasos tiene ingredientes que merecen ser pensados y sobre los cuales hay que tomar decisiones que resultan claves. Es más, si no se reflexiona sobre ellos después se precipitan errores que nadie desea.


Defina con precisión el perfil


En esta instancia podemos ahondar en los primeros dos pasos que son esenciales.


Definir el cargo y el perfil de la persona que lo va a desempeñar son aspectos fundamentales.


FUENTE: http://www2.esmas.com

Rogai por nós

De acordo com informações do blog do Ricardo Perrone, no UOL, a presidente Dilma Rousseff está tentando impedir o ilustre presidente da CBF, Ricardo Teixeira, a cumprir com o que disse na entrevista para a revista Piauí.

Em resumo, Teixeira falou que na Copa ele poderá tudo. Ele terá todo o poder, negará credenciais para quem quiser e ninguém poderá fazer nada para impedir. Daí, quando chegar 2015, acabará o mandato dele e ele não sofrerá nenhuma punição.

O governo pede melhores definições para a dona FIFA sobre as regras de credenciamento. Segundo Perrone, Dilma busca que a entidade máxima do futebol diga quais seriam os motivos para alguém não ser credenciado para cobrir a Copa 2014.

A resposta não poderia ser ao melhor estilo Sepp Blatter: 'A FIFA sempre teve autonomia para decidir se aceita ou não um pedido de credenciamento sem dar alguma explicação e com a Copa do mundo 2014, no Brasil,não será diferente'.

Quem conhece os bastidores do mundo do futebol sabe que a FIFA bane jornalistas que criticam e investigam a entidade e seus membros. Sumiram com a credencial para a Copa de 2006 de um jornalista que escrevia o escândalo de ingressos envolvendo Jack Warner. A pedido de Ricardo Teixeira, fará o mesmo com aqueles que são contra o presidente da CBF.

Para aqueles que trabalham nos veículos que não são da chapa de Teixeira resta orar para Dilma Rousseff conseguir ajudar na hora H. Seria ridículo para a mídia brasileira ver uma cobertura de Copa do mundo sendo feita somente pela rede Globo. Santa presidente Dilma Rousseff, rogai por nós, jornalistas.

Darlene Boyd....Aromas Hills Artisan Exstaordinair




Darlene Boyd, Aromas Hills Artisan and teacher

“I am a sculptor, who also enjoys painting and drawing. I am not
tied to any particular medium, and I thrive in experimenting and
blending many materials. I am interested in forms, surfaces, visual
metaphors and the emotional responses that my art work evokes.
I particularly enjoy teaching art and using these processes both
as forms as self-expression and as a means to heal oneself. ” --
Darlene S. Boyd

Born in Lodi, California, Darlene S. Boyd, a fourth generation
Californian, grew up in the local wine vineyards. She was
nurtured, at an early age, by Constance M. Darden, who gave
studio art lessons for local children in Lodi. These experiences
set many of Ms. Boyd’s expressive anchors and eventually led
her to study art in college. She is a 1973 Honors graduate of
Brooks Institute, School of Fine Arts / Santa Barbara Art
Institute. She majored in sculpture, along with a strong emphasis
in both drawing and painting. She was privileged to have studied
under the notable and esteemed professional artists: Alice Carr
de Creeft (sculpture), Duane Loppnow (sculpture), Ray S.
Strong (landscape painting), Richard Barrett (figure drawing),
Priscilla Bendershore (drawing and painting), Douglas Paschal
(portrait drawing).

She moved to Fresno with her husband, and family in 1981. She
continued to enjoy teaching art at Bullard TALENT and
Camp Shalom as a Director of Fine Arts, among other venues.
She expanded her exploratory studies of fiber media under the
mentorship of Kathy Wosika, a locally celebrated, Fresno artist.

Ms. Boyd is now the Chief Creative Officer of The ART
Experience, LLC studio, nestled in the pastoral mission town of
San Juan Bautista, California. She is currently working on
figure sculptures in clay for bronze casting. She also creates
landscape, floral, still life, portrait and architectural paintings.
She finds time to occasionally work on projects in other
contemporary media and genres. Her work is currently on exhibit
in several California Central Coast venues, including Stone
Griffin Gallery at 416 E. Campbell Avenue, Campbell,
California 95008. Various on-line galleries showcase her work,
such as sbawca.org. Her work is enjoyed by many private
collectors, local and international. To learn more about Ms.
Boyd and her art please visit her on-line gallery at www.
darleneboyd.com,
or you are welcome to make an appointment to
visit her studio in San Juan Bautista, by calling 831-623-2750.

"Art is not what you see, but what you make others see." ~
Edgar Degas
All images and site content
copyright by Darlene S. Boyd

Não é o Ayrton

Ele tem um capacete amarelo com listras verdes desenhado pelo falecido Sid Mosca. Dirige uma Lotus preta no início da sua carreira na Fórmula 1. Possui o sobrenome Senna e os olhos por baixo do capacete assustam pela semelhança. Mas ele não é Ayrton e, difícilmente, chegará perto.

Aos 27 anos, idade um pouco avançada para ingressar na Fórmula 1 nos últimos anos, Bruno Senna não surge como uma esperança de ver o Brasil ter novamente um campeão da categoria. Ele me parece mais um desespero de uma nação carente por isso após ter Emerson Fittipaldi, Nelson Piquet e Ayrton Senna como pilotos que marcaram época.

Cada vez mais é notável que as semelhanças entre tio e sobrinho param na estética. Bruno já disse que o tio passava dos limites durante as corridas. Além disso, ele assumiu que diminuiria para um parceiro de equipe ultrapassar. Se esquivou dessa afirmação dizendo que Ayrton não precisou fazer isso porque sempre era o mais rápido.

Na verdade, Ayrton Senna se fazia ser o mais rápido. Nunca aceitou as limitações do carro que guiava, tirava o máximo possível, tal como Vettel quando ganhou uma corrida pilotando uma Toro Rosso debaixo de um aguaceiro.

Pelo menos Bruno Senna tem a consciência de que as pessoas torcem por ele por ser sobrinho do cara. Está mais do que certo de querer merecer essa torcida pelos méritos próprios. Sabe guiar bem um carro. Mas falta atitude de campeão.

Vettel, Alonso, Hamilton cometem erros, por vezes são criticados, mas sempre miram o primeiro lugar. Falta essa postura para Bruno. Enquanto ele aceitar tirar o pé ao invés de mostrar que pode andar mais rápido, será mais um Barrichello, Massa, Burti ou Zonta.

'Eu sou jornalista'

'Eu sou jornalista'. Essa é a frase que mais se escuta durante os seis minutos e trinta e oito segundos da entrevista que o 'UOL Esporte vê TV' fez com o jornalista esportivo dos canais ESPN e Folha de S. Paulo, Paulo Vinícius Coelho, o PVC.

Durante o bate-papo, PVC esclarece algumas questões. Primeiramente, ele descarta atuar com o futebol fora do âmbito jornalístico. Cita alguns casos de especulação que envolveram seu nome. Disse que não houve nada muito concreto, mas que não seria técnico.

Famoso por saber 'ler o jogo' e possuir a 'prancheta do PVC', o jornalista contou sobre casos que envolveram o trabalho de analisar como jogam os times. Também deu uma pequena cornetada em quem critica pelo profissional não ir até o local. Eu estou entre esses. O ponto de PVC até faz sentido, claro. Mas ainda gosto mais de ir ao local do que ficar ligando.

Durante o vídeo, Paulo Vinícius Coelho dá uma pequena aula de como ser um jornalista esportivo e como ser um especialista em um assunto. Além de tudo, ele mostra um lado de respeito com quem admira o seu trabalho e incentiva as pessoas a tratarem as outras bem, algo cada vez mais raro nesse mundo.

A entrevista é interessante, apesar de curta. Mas também, se deixassem PVC falar pelo tempo que quisesse, com a famosa memória que possui, iria passar horas contando sobre situações envolvendo o jornalismo e seria difícil fechar a matéria.

4 tips para mejorar tu sitio Web

En la actualidad, la mayoría de empresas cuentan con al menos un sitio o página web, algunos diseños pueden catalogarse como obras maestras, con diseños excelentes, contenido impresionante, muy amigables con el usuario y sobre todo con el robot de Google, etc.


Recuerda que el realizar o tener una página web es parte de tu estrategia de marketing digital, y para llegar a tus objetivos mediante esta estrategia, todas las herramientas tienen que estar perfectamente bien usadas, al final de todo, el usuario decidirá si tu marca, producto y/o servicio es bueno.


La herramienta más importantes para tu marca es la página y el posicionamiento web del sitio, que aunque parezca muy fácil, debe de contener ciertos elementos que son de suma importancia para que una página sea del agrado del usuario.


Si usted ya cuenta con un sitio Web, a continuación te diremos 4 cosas que tienes que mejorar para tener un sitio atractivo.


1. Exceso de animación


Efectivamente las animaciones en Flash o en otra plataforma dan mucha imagen a un sitio y lo hace resaltar mucho, pero en ocasiones hay demasiada animación en una página que simplemente el usuario pierde el interés en ver el sitio y en ocasiones, tanta animación en flash puede alentar el sitio y simplemente esto termina por desesperar al usuario.


Un tip es quitar y poner tus animaciones y midas el impacto que tienen estos movimientos en las visitas y en el tiempo en que permanecen en el sitio, así te darás cuenta que te sirve o que es lo que definitivamente tienes que tirar a la basura.


2. Terminología y tecnicismos


Cualquiera que sea tu especialización, nunca debes de dar por hecho que todo mundo sabe y entiende el lenguaje especifico de tu industria, esto es un gran error. Aun cuando tu sitio esté dirigido específicamente a un nicho de mercado especializado, recuerda que la página la pueden visitar cualquier persona que pueda o no estar interesada, pero siempre es bueno tratar de reemplazar esos tecnicismos con explicaciones más comunes. En caso de que sea muy necesario introducir estas palabras en tu contenido, puedes abrir una sección de glosario que explique cada una de esas palabras.


3. Imágenes


Todas las página web necesitan imágenes, en ocasiones el contenido de estas mismas puede ser en excesivo. Igual que con las animaciones, el exceso de imágenes puede reducir la velocidad y navegación entre usuarios, causando una gran frustración en el mismo y esto termina en una visita menos para tu página. Es no es todo, ya que la lentitud del sitio, es tomada como un factor negativo por los buscadores, y tu Page Rank baje drásticamente. En ocasiones es fatal que haya imágenes que de hecho no tengan nada que ver con tu marca o empresa. Date un tiempo para borrar imágenes que no te sirven de nada, y lo que también es muy importante, dales un buen acomodo, usar tal vez un pie de foto, utiliza tamaños uniformes, marcos, etc.


4. Formatos de contacto


Hoy en día lo que les molesta a muchos usuarios, es la cantidad de Spam que llega a su email, muchas veces esto causado por los formatos de contacto que tienen las empresas, los cuales también son muy tediosos en ocasiones. Es importante recordar en este punto que las necesidades de los usuarios son prioridad, así que sería bueno identificar la razón por la que tus usuarios se quieren poner en contacto contigo, en caso de que sea para asistencia por información de la empresa, puedes dividir las formas de contacto dependiendo del asunto, y no forzar al usuario a llenar una sola forma y recibir luego cantidades enormes de spam.


En conclusión, lo importante es darle al usuario un sitio amigable, que no lo llegue a desesperar o a frustrar, que pueda navegar fácilmente en él y lo más importante, que se identifique totalmente con tu marca. Como dicen, a veces lo menos es lo mejor y tu objetivo es ofrecer una buena experiencia de usuario y posicionarse en los motores de búsqueda.


FUENTE: http://www.posicionaweb.mx

Tintin em 2012

Hoje estou com uma música que não sai da minha cabeça. Uma certa composição instrumental que faz parte do filme 'Star Wars: episódio III - A revanche dos Sith'. Daí, após achar a tal música na internet, decidi pesquisar mais sobre o autor, John Williams.

Em minha pesquisa, que não me adicionou muito pois já sabia mais ou menos sobre a carreira dele, descobri uma coisa muito boa. Ele compôs a trilha sonora do primeiro filme do Tintin feito com atores reais e não desenho.

Com o nome de 'As aventuras de Tintin: O secredo do unicórnio', o longa-metragem deve ser lançado em 2012. Sob a direção de Steven Spielberg e produção do próprio Spielberg e Peter Jackson, o filme mostrará o primeiro encontro de Tintin com Capitão Haddock. Será uma busca por tesouros dos ancentrais do velho capitão. Também terá a participação dos detetives Dupont e Dupont.

A película é encenada por Jamie Bell (famoso pelo papel de Billy Elliot) como Titin. Andy Serkis (Sméagol/Gollum de Senhor dos Anéis) será o Capitão Francis Haddock. A dupla Simon Pegg e Nick Frost (Shaun e Ed de Todo mundo quase morto) darão vida aos detetives Dupont e Dupont. O filme ainda conta com o atual James Bond, Daniel Craig, no papel do pirata Rackham, o Terrível, um dos vilões famosos da série.


Como um eterno fã dos quadrinhos de Hergé, aguardo ansiosamente para o lançamento do filme. Tinha comentado há algum tempo atrás que seria muito bom se o Tintin virasse longa-metragem. Mal sabia eu que já estava sendo produzido. Que venha o Tintin!

Green Time.....by Joyce Riley



GREEN TIME

By Joyce Riley







Children don’t need more screen time.
What they need is more green time,
Time to dig holes, time to climb trees
Time to fly kites in the morning breeze,
Time to jump and splash and tug,
And play with rolly-polly bugs.
Children don’t need more chair time.
What they need is more air time,
Time to let their spirits fly.
Come to think of it, so do I.

A sonolenta Seleção de Mano

Assistir aos jogos da Seleção Brasileira de futebol está longe de ser, como diz o outro, teste para cardíaco. As aparições dos escolhidos de Mano Menezes é na verdade uma grande chatice. Está mais para uma prova de resistência do Big Brother Brasil de tão sem graça. Quem resistir aos 90 minutos se torna o líder.

Os 'europeus' já não inspiram muito lá a torcida. São jogos sonolentos, onde o futebol vistoso já não existe mais e o Brasil não impõe mais respeito. Uma era de renovação está se tornando uma era de trevas. Quase o mesmo processo que aconteceu entre 88 até o título em 94.

Quando me falaram da volta da 'Copa Roca', agora batizada de Superclássico das Américas ou Troféu Nicolás Leoz, pensei: 'Bom, serão só jogadores que atuam no País. Veremos novos rostos, gente com disposição, que irá acrescentar algo'.

Engano meu. O jogo não apresentou nenhuma boa novidade. Além de Mano Menezes escalar veteranos como Kleber e Renato Abreu, entrou com Paulinho ao invés de Casemiro, campeão mundial sub-20 com a Seleção Brasileira. Ainda deixou no banco outras jovens estrelas como Oscar (entrou no segundo tempo) e Lucas, que nem jogou.

A falta de criação se aliou a falta de entrosamento. Ronaldinho não brilhou, Neymar ficou sem apoio e Leandro Damião isolado na área. Não há jogadas, não há treinos, não há nada. Jogaram 11 caras lá no campo e falaram: 'Vocês são a Seleção Brasileira, se virem!'

Quando Mano Menezes irá perceber que o Brasil não é Alemanha, Itália e Holanda? Nós nunca jogamos no 4-2-3-1. Sempre fomos no 4-3-3 ou 4-2-2. No máximo, um 3-5-2 do Felipão, que nos rendeu um título mundial. Nunca o Brasil jogou com um atacante isolado na área. Isso é para quem só sabe jogar bola na área, o Brasil cria! Sempre criou.

Não é a renovação que está sendo feita de forma errada. O Brasil tem qualidade. Jogadores são bons. O que está errado é o sistema de jogo. O nosso caso sempre foi especial. Sempre fomos diferentes e por isso conquistamos o título de melhor futebol do mundo, de berço de craques. Só precisamos que o técnico nos veja como sul-americanos e não como europeus.

El Comercio Electrónico, un modelo de negocio moderno

Internet y su crecimiento constante permitió que aparecieran empresas que son sólo  imaginables gracias a la Web. Por su gran relación entre inversión y beneficios ha logrado igualar el mercado entre las grandes y las pequeñas empresas.


Para las empresas algunas de las ventajas son el poder llevar de forma más sencilla diversos tipos de estadísticas acerca de su público. Al mismo tiempo los datos están en formatos universales que hacen más fácil su sistematización. El Comercio Electrónico permite acceder a un mercado potencial de nada menos que la tercera parte de la población mundial, es decir, quienes cuentan con acceso a Internet.


Pero el Comercio Electrónico no sólo tiene ventajas para las empresas. Los consumidores pueden acceder rápidamente a miles de ofertas, compartir y comparar información con usuarios anteriores y la posibilidad de vincularse con más personas para obtener mejores precios a través de la compra masiva de un producto. Además resurge una antigua práctica comercial como el trueque, que había desaparecido con el crecimiento del mercado global.


Un Modelo de Negocios en el Comercio Electrónico es la forma en la cual una empresa planea su presencia y su éxito en la Web 2.0. No hay una clasificación exhaustiva de todos los modelos de negocios existentes en el mundo palpable, mucho menos en la Internet, donde la innovación es cuestión de todos los días.


El e-Business reúne los modelos de negocio donde se use la tecnología para mejorar las relaciones comerciales entre dos o más actores. El e-Commerce es una serie de modelos de negocio que intenta simplificar los negocios on line. Los modelos pueden ser de venta directa o intermediación, teniendo como origen de las ganancias el cobro de comisiones, la venta de productos o la recolección y venta de información.


Só casca grossa

Sylvester Stallone continua com seu projeto de reunir os 'mestres da pancadaria' em um mega filme. Ele já conseguiu um relativo sucesso nessa empreitada com Mercenários, onde juntou Mickey Rourke, Dolph Lundgren, Jason Statham, Jet Li, Steve Austin, Terry Crews e o hall da fama do UFC, Randy Couture.

Agora, no segundo filme da série, o ator consagrado por Rocky e Rambo pretende juntar mais gente dura no páreo. Para a sequência, que começa a ser filmada ainda esse ano, na Bulgária, Stallone quer formar um verdadeiro esquadrão de assassinos.

Além de manter os atores citados no início do texto, ele já confirmou uma participação maior de Bruce Willis e Arnold Schwarzenegger. Mas, o melhor foi anunciado hoje. 'Os Mercenários 2' contará com Jean-Claude Van Damme, ator que quase participou do primeiro longa, e com o eterno Chuck Norris.

Com a chegada de mais peso, o filme só tende a chamar mais a atenção do público. A dificuldade estará onde colocar tanta gente grande da história dos filmes de ação. Sem contar que Stallone ainda deixou aberta a chance de participações de Nicholas Cage e John Travolta.

Só nos resta esperar para ver. Com as novas aquisições ao elenco, 'Os Mercenários 2' tem tudo para atrair uma grande audiência. Não será um filme que marcará para sempre, mas com certeza será o longa-metragem com a maior pancadaria possível. Afinal, quem não quer ver o famoso roundhouse kick do imortal Chuck Norris?

Não é só aqui

Tudo bem que o Brasil é quase uma pátria-mãe da corrupção no mundo. Vemos escândalos brotarem na mídia quase que semanalmente e, como sempre, somem sem muitas conclusões, culpados e condenações. Mas, não é só aqui que estão estourando estes casos.

Por incrível que pareça, a França, berço da democracia, terra da liberdade, igualdade e fraternidade, enfrenta uma onda de acusações de recebimentos de propinas para financiamento de campanhas eleitorais de candidatos do passado.

Segundo a matéria do jornal 'Le Monde', Robert Buorgi, conselheiro oficioso de Nicolas Sarkozy, afirma que Jean-Marie Le Pen (ex-presidente da Frente Nacional), Dominique de Villepin (ex-primeiro-ministro) e Jacques Chirac (ex-primeiro-ministro e presidente) receberam dinheiro de políticos africanos.

O caso tem ganho dimensão na mídia francesa uma vez que envolve três dos principais nomes da política do País. Buorgi sofrerá processos por parte de todos. Eles o acusam de difamação e exigem provas do recebimento de proprinas.

O prórpio Buorgi disse que não possui provas, mas que esteve presente em entrega de malas com dinheiro vindas dos presidentes do Gabão, Senegal, Burquina Fasso, Congo-Brazzaville e Costa do Marfim. Todas nações são ex-colônias francesas.

Por outro lado, os políticos acusam Buorgi de ser um funcionário à serviço de Sarkozy e falam como se o atual presidente francês quisesse enfraquecer a força dos partidos rivais. A verdade é que sabemos que lá, diferente de cá, as coisas funcionam. Se houver algo, será descoberto e os responsáveis punidos. Já aqui, eles seguem comandando o País sem que nada aconteça.

When does the fair smell like a rose? by Joyce Oroz




The Santa Cruz County Fair opens it's doors Tuesday, September 13 for a fun filled week of food, excitement and fun. The Display Garden of the Monterey Bay Rose Society, located at the Santa Cruz County Fairgrounds, 2601 East Lake Avenue (Highway 152), Watsonville, opens it's garden gates for a week of sweet smelling beauty. If you decide to leave the food shacks and hoof-it up to the cow barns, stop along the way and smell the roses.

The Monterey Bay Rose Society was founded in 1980 and now has about 100 members.

The MBRS presents monthly meetings with interesting programs, publishes an award-winning monthly newsletter, The Bay Rose, with tips and tricks for growing better roses in our area, plans visits to rose gardens and nurseries, and sponsors an annual rose show in the spring. They now meet on the last Friday of each month except June, July, November and December.

Proceeds from Joe Truskot's wonderful book, "Central Coast Rose Manual" go to support the maintenance of the Display Garden at the fairgrounds.